Shoppings aliam praticidade e economia para a compra de material escolar

Por

No Shopping Cerrado, no setor Aeroviário, consumidores garantem brindes na compra de kits ou descontos por meio da doação de itens usados, entre outras vantagens 

A volta às aulas se aproxima e para quem deixou as compras para a última hora ou ainda não conseguiu garantir todo o material escolar, os shoppings são uma boa opção para colocar a lista em dia. Além de segurança e conforto, os clientes contam com a facilidade do atendimento em horário comercial estendido e, ainda, com a praticidade de encontrar uma grande variedade de lojas e produtos no mesmo local, o que possibilita comparações de preços e economia. 

É o caso do Shopping Cerrado, que fica na Avenida Anhanguera, principal eixo de ligação entre as regiões Leste-Oeste de Goiânia, e ainda oferece a comodidade do estacionamento gratuito. Além de âncoras, como as Lojas Americanas, Riachuelo e Renner, o centro de compras conta com grandes lojas que trabalham com os mais variados itens escolares. Entre elas estão Le Biscuit, Le Postiche, Kalunga, Big Lar, Bagaggio, Estação Turma da Mônica e Ri Happy. 

“Cada ano que passa representa um novo desafio para nossas vidas. Quando nos referimos aos desafios relacionados à evolução dos nossos conhecimentos e de nossos filhos, o envolvimento é proporcional à gratificação da conquista. Pensando nisso, o Shopping Cerrado, juntamente com os lojistas, se preparou para que nossos clientes possam encarar o desafio de mais um ano de retomada ao conhecimento. Nos preparamos para ofertar todo o mix de produtos necessários para o volta às aulas. Vale a pena conferir!”, comenta o superintendente do Shopping Cerrado, Ronaldo Veiga. 

Brindes e descontos
Muitos desses lojistas aproveitaram a época, inclusive, para investir em ações promocionais. Na Le Biscuit, por exemplo, nas compras acima de R$ 100 em artigos de papelaria, o cliente ganha um estojo escolar. Já a Le Postiche oferece brindes nas compras de kits, como um copo de personagem ou slime para quem adquirir a mochilete com lancheira, além de desconto de 20% em itens estampados com personagens que não estão em alta.

Outros estabelecimentos estão apostando na arrecadação de itens usados em troca de descontos. Na Kalunga, cada um quilo de folhas de cadernos usados vale R$ 1,50 para a compra de cadernos novos e resmas de papel A4. Já na Bagaggio, quem doar mochila usada, em bom estado de conservação, garante 10% de desconto na compra de uma nova. Neste caso, os itens arrecadados serão encaminhados para a Caslu, que ajuda instituições que cuidam de crianças. 

O Shopping Cerrado fica na Avenida Anhanguera nº 10.790, no Setor Aeroviário, em Goiânia, e funciona de segunda-feira a sábado, das 10 às 22 horas, e aos domingos, das 14 às 20 horas.
O grupo do Shopping CerradoO Shopping Cerrado faz parte da CCP (Cyrela Commercial Properties S.A.), que é uma das principais empresas de desenvolvimento, aquisição, locação, venda e administração de imóveis comerciais do Brasil. Atualmente, tem em seu portfólio de shoppings oito empreendimentos no país, localizados nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Goiás. 
Somados, abrigam mais de 1,5 mil varejistas em ABL (Área Bruta Locável) total superior a 289 mil m², dados que colocam a CCP entre as maiores administradoras de shoppings do Brasil. Desenvolvidos dentro dos mais avançados padrões construtivos, esses empreendimentos se destacam pela arquitetura moderna e funcional, localização privilegiada, potencial de retorno e permanentes práticas de sustentabilidade relacionadas à segurança, saúde e meio ambiente.

SIGA-NOS

9,705SeguidoresSeguir
36,840SeguidoresSeguir
Redação
Redação
Desde 1998, com foco numa maior oferta de conteúdo relevante e de interesse público, o Grupo A Hora é uma agência de noticias, ciente das preocupações da comunidade.

MEC estuda restabelecer cotas na pós-graduação

O Ministério da Educação (MEC) tornou sem efeito uma portaria, assinada pelo ex-ministro Abraham Weintraub, que acabava com cotas para negros, indígenas e pessoas com...

A Alemanha colonialista

"Nosso futuro está na água" Sob o chanceler Otto von Bismarck, o Império Alemão estabeleceu colônias nos atuais territórios da Namíbia, Camarões, Togo, partes da...

Coronavírus: Indígenas no Amazonas isolados para fugir da contaminação

A iminente chegada do coronavírus fez com que cerca de 150 indígenas procurassem refúgio no seio da Floresta Amazónica para evitar o contágio entre...