Saturday, May 8, 2021

As sobremesas mais populares

Por

  • na Alemanha

Rote Grütze

Compota de frutas vermelhas é uma das sobremesas mais queridinhas dos alemães. A receita clássica de Rote Grütze leva framboesa e groselha, mas também podem-se incluir morangos, cerejas, amoras, mirtilos. Doce e azeda na medida certa, a sobremesa costuma ser servida com sorvete de creme, molho de baunilha ou chantilly.

Kalter Hund

Esta sobremesa – feita de camadas de bolacha de manteiga e creme de chocolate – chama a atenção por causa do nome, que literalmente significa “cachorro frio”. Mas o que a sobremesa tem a ver com o animal? Nada. Na verdade, além de significar cachorro o termo Hund também designa a vagoneta usada em minas, que lembra o formato do doce.

Creme bávaro

Feito de creme de leite batido, gelatina, gemas, baunilha e açúcar, o creme bávaro é usado como recheio de bolos ou servido com calda de frutas vermelhas. A sobremesa tem consistência firme, entre a de um pudim e uma musse. Apesar de o nome remeter à região da Baviera, no sul da Alemanha, não é clara a origem do creme bávaro, também conhecido como crème bavaroise.

Apfelstrudel

Popular na Alemanha e na vizinha Áustria, o Apfelstrudel é feito de maçãs, passas e canela, envoltas por uma crosta de massa folhada polvilhada com açúcar de confeiteiro. Costuma ser servido quente, com sorvete ou molho de baunilha. A imperatriz Maria Teresa teria contribuído para a popularização do doce no Império Austro-Húngaro.

Kaiserschmarren

A especialidade austríaca é também muito apreciada na Alemanha. Trata-se de panquecas rasgadas em pedaços e polvilhadas com açúcar. Elas podem ou não conter passas e ser acompanhadas de compota de frutas, como de maçã. Às vezes, o doce é servido como sobremesa, mas há quem diga que é gostoso demais para ser comido em pequena quantidade e concede a ele o status de prato principal.

Bratapfel

Maçãs assadas e recheadas são muito apreciadas no inverno alemão, particularmente no período natalino. O recheio pode conter amêndoas, marzipã, nougat, pinoli ou uvas passas, por exemplo. Cravo e canela também são bem-vindos, tornando o aroma da Bratapfel irresistível. A sobremesa pode ser servida com sorvete ou molho de baunilha

Milchreis

Semelhante ao nosso arroz doce, o Milchreis (milch=leite e reis=arroz) é bastante apreciado pelos alemães e costuma ser servido com açúcar e canela ou compota de cereja. Enquanto no Brasil prepara-se o arroz com leite condensado, na Alemanha ele é feito apenas com leite, baunilha e pouco açúcar. O curioso é que às vezes os alemães comem Milchreis não como sobremesa, mas como prato principal.

Erdbeerbecher

Basta começar a temporada de morangos – que na Alemanha vai de maio a agosto –, e os restaurantes e sorveterias do país já incluem suas pomposas taças de morango no cardápio. A fruta vermelha costuma vir acompanhada de sorvete de baunilha e chantilly – preparado com pouquíssimo ou nenhum açúcar.

Marillenknödel

Esta especialidade da cozinha austríaca e tcheca é bastante apreciada na Alemanha, sobretudo no sul do país. Trata-se de damascos (conhecidos na região da Baviera e na Áustria como Marillen) envoltos numa massa de farinha. As bolinhas (knödel) são cozidas, empanadas em farinha de rosca e polvilhadas com açúcar de confeiteiro.

Waffel

Importado da vizinha Bélgica, o Waffel (ou waffle) é um dos doces favoritos dos alemães. No café da manhã ou da tarde, como sobremesa ou nos mercados de Natal, a massa prensada é muitas vezes servida somente com açúcar de confeiteiro. Mas também há versões com nutella, morango, cereja, calda de frutas vermelhas – muitas vezes acompanhadas de sorvete de baunilha ou chantilly.

Fonte:DW

SIGA-NOS

9,705SeguidoresSeguir
36,066SeguidoresSeguir
Paula Tooths
Paula Tooths
Jornalista, produtora de TV e escritora, autora de oito títulos publicados no Reino Unido. | Londres - Miami